Novo mapeamento comercial no mercado nordestino 1


Blaeu1640Conhecida como um dos melhores modelos de gestão cooperativista agrícola do Nordeste, a Cooperativa Pindorama já traça um novo mapeamento comercial para aumentar os resultados no mercado regional. A diretoria da entidade, juntamente com seu setor comercial, começa a elaborar um plano estratégico para intensificar as vendas em estados mais próximos de Alagoas.

Estados como Sergipe, Bahia, Paraíba, Pernambuco e Ceará – os dois últimos onde a Pindorama já possui escritório de representação comercial – são classificados pela diretoria como potenciais para a cooperativa atingir seus resultados para este ano. “Concentrar a distribuição no Nordeste, além de melhorias na logística, nos ajuda na consolidação da marca, pois o mercado alimentício é bastante concorrido e não é tão viável espalharmos por todo país se precisamos atingir um nicho de mercado mais próximo”, avalia o diretor-secretário da Pindorama, Carlos Roberto Santos.

Nordeste_moto_camping_google_earthAinda de acordo com a diretoria, o estudo já vinha sendo feito sobre escoamento das vendas, e agora possui a proposta de se concentrar nos estados nordestinos para garantir rentabilidade mais imediata. “É no mercado local e regional que temos a clientela mais fidelizada e articulamos melhor as parcerias. Em se tratando de uma instituição onde o lucro é rateado e tudo é deliberado em conjunto, será a maneira mais equilibrada de seguirmos no mercado nesses tempos de instabilidade em algumas cadeias produtivas agrícolas”, completa Carlos Roberto.

O polo industrial da Pindorama, em Coruripe, é composto por uma usina sucroenergética, uma fábrica de sucos, um laticínio – o único do litoral sul alagoano – e dezenas de outras microempresas da comunidade que são amparadas pelo Núcleo Incubador de Empresas Pindorama (Niep). No portfólio da marca, ainda estão disponíveis no mercado balas sortidas, suco em pó, vinagre, molhos de pimenta, de alho, molho inglês, que são fabricados por empresas terceirizadas.

Fonte: Aqui Acontece


One thought on “Novo mapeamento comercial no mercado nordestino

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>